Cards you may also be interested in
Why is my Printer not Responding to my Mac?
Why Isn't my Printer Responding to the Mac? Printers have become one of the most useful machines at this time. Printers are seen not only at the official places, but printers have become household machines as well. Different brands offer to multitask printers that can make your life easier. However, it is not compulsory that a branded printer will not create problems. You can face issues in branded printers as well. Sometimes, the problem is with the printers, and sometimes the issue is related to your system or device the printer is connected to. If you are facing problems with a printer while connecting it to a Mac, then there is no need to worry, as you can solve the issue easily. So, let’s see how you can solve the problem if your printer is not responding to your Mac. Different Ways to Fix the Printer Problem in Your Mac: 1. Firstly, make sure that your printer cable is connected to your Mac firmly. 2. Try fixing the network, and make sure that your printer and Mac are on the same network. 3. Check the Printer Whether- * It is turned on and is displaying the normal status light. * It has paper in the paper tray and no page is jammed. * It has got enough ink to print. * The printer’s cables are connected properly. 4. Check whether you are using the latest version of the printer software. If you are not using the latest version, then you can update the software. If the problem still remains, then you may contact the manufacturer of the printer. Follow the above-mentioned ways to fix the problem if your printer isn’t responding to your Mac. Or you can make a call to the manufacturer of the printer you are using to get Printer Tech Support.
Reach Out to a Wider Audience by Developing the Fantasy Sports App
Hey there! If you take a survey on the most entertaining apps, then the fantasy sports apps will be one among them. With each passing day, the user base of fantasy sports apps is increasing. The prominent reason behind the eminence of these apps is that they list different sports and also let users earn rewards. We shall get to know about the fantasy sports app development in detail. What does the functioning of fantasy sports apps look like? In general, fantasy sports will allow users to team up with different real-time players. For example, a user can create a team by adding the desired players. Based on the result of the tournament or match, users will obtain the reward points. On the whole, fantasy sports apps are a mix of entertainment and earning. Now let us see how to develop a fantasy sports app exclusively for your business. Fantasy sports app development - Stages involved 1.In the initial stage, we will gather your app requirements and document them. 2.Based on the insights from the documented requirements, our fantasy app developers will develop a sample app. 3.If that sample app meets the requirements, we will proceed with front-end and back-end development. 4.Also, we will allow you to tell your customizations and will implement the same. Once the app is ready, it will be tested and launched. As we have been discussing the eminence of fantasy sports apps, we must definitely look at the features. Because the features of the app contribute to the enhancement of the user experience. Advanced features available in the fantasy sports apps Multiple gaming options Live scores Leaderboards Push alerts Referral rewards Multilingual support Analytics As final thoughts, it would be great if you choose Appdupe for developing your fantasy sports app. We will white-label the app and make it easier for you to affix your brand name.
Last-Minute Gifting Ideas
Brainstorming for some special gifts for your loved ones can be difficult at times especially if it's very last minute! There come many occasions where we are bound to gift our loved ones or our partners but we run out of ideas or there is so little time left. This article might turn out to be useful for you and give some inspiration to pick out some last-minute gifts for your loved ones. 1) Perfume I know it is a very common gift but it is a no-brainer and actually a very useful gift. You’ve got to make sure that it is a fragrance which is suitable for all occasions and mostly everywhere they go. The fragrance should at least last 8 to 10 hours. You can select from the wide range of perfume choices from this amazing alternative to eBay. 2) Personalized Cuff Links Giving something personalized adds a little personal touch to it which makes the gift all the more meaningful. There are various websites that design personalized cuff links with initials on them. I understand that getting something personalized is not possible last minute but you can always look for other designs across the web too. 3) Electronic Gadgets Gifting gadgets is a really cool option as well. If you specifically know what the other person wants then you can go for that as well. If they are into PlayStation or video games, you can gift them a PS5 if you have your budget. It would be a really cool gifting option. 4) Airpods or Headphones If your loved ones are really into music or love to have some music while working out or doing some chores, this would be the best gift for them. You would find various color options and models, make sure you choose the best one! 5) Kindle If your loved ones are into reading books a lot, this would be the perfect option for them. Most of the time, book lovers get short of space to store their books. In such cases, Kindle comes much handy. It takes minimal space and stores a maximum number of books. 6) Coffee Machine There are so many people who are immense coffee lovers. But it gets difficult to spend money each time they need to drink coffee or spend so much time beating it to get it ready. In such cases, gift them a coffee machine and they would be the happiest people on this planet. 7) Chocolates and Flowers Now I know it is a very easy-peasy option but for the last minute, it can do wonders and you can never go wrong with it. Because ultimately it is the thought process and feelings behind it that counts, isn’t it? So pick out their favorite chocolates and a super elegant flower arrangement and you’re good to go. 8) Watch I personally really like watches. If your loved one is a watch person or if they don’t have any watches yet, you can help them build a watch collection. So, this is a great idea too. You can find a wide variety of watches online as well as from your nearby shops. These were some last-minute options that would never go wrong. I really hope I came out as a help to you in finding a perfect gift for your loved ones last minute. So, get some amazing gifts for them!
Ecommerce Business with Grofers clone app development
Smartphone users make the fullest use of their device to make their life hassle free and simple by equipping their mobile phones with all the service providing apps. These apps basically offer to complete the task of an individual in return of some money. There are many apps for so many tasks like shopping, house cleaning, finding a professional handyman, hailing a cab etc. when there is an app for everything why not have an app for the most important chore for our survival; online grocery shopping. Apps like Grofers are such a service where it lets users place their grocery order through the app and get it delivered by a delivery person at their doorstep. Turnkeytown excels at developing hands down the best in market Grofers clone app which excels in performance and with its exclusive features makes more customers to avail the app which increases the revenue of the business. Let us look at the business model in detail. Grofers is a grocery delivery system which is done online. Grofers like app basically comprises three components. They are: the user, local vendor and the delivery person. Let us see them in detail. User Those who are unable to visit their nearby store for getting their groceries can be done through the app. Students busy with their schedules, employees having a hectic day at work, aged people who are unable to walk down to the stores and every other people can make use of the app and get their groceries delivered on time. Local vendors- the grocery list placed in the app by the users are redirected to the nearby local vendors. They stack up all the items in the list and wait for the delivery person to come pick it up. Apps like grofers play a major role in building the business of the local vendors by bringing more customers to the store through the app. Delivery person- the grocery order is delivered to the customers on time through the delivery person. The launch of the app has opened so many employment opportunities for driving and delivering the groceries to the respected customers. Summing up After the covid-19 outbreak, there is an increasing demand in grocery delivery services. In the USA, online grocery shopping has increased by 53% in the year 2020. This explains the necessity of such apps in situations like the pandemic. Hence investing on Grofers app clone development will repay the business with its profit revenue.
Quando se deve bloquear sites em sua empresa? Veja 8 fatores para considerar!
Se você possui uma empresa corporativa já deve ter ouvido falar sobre o bloqueio de sites em seus computadores para que os funcionários não se distraiam e só possam acessar os sites referentes ao trabalho. Esse é um assunto delicado, pois o bloqueio e a liberação de determinados sites em ambientes corporativos podem ou não levar em conta os interesses pessoais dos funcionários. Empresários e gestores de TI veem uma necessidade de restringir o acesso a determinados sites na hora do trabalho, mas nem sempre sabem como fazer isso. Por isso, a seguir nós mencionamos 8 fatores para considerar na hora de decidir se irá bloquear sites da sua empresa. Confira! 1 – Foco e produtividade dos funcionários As empresas que liberam todos os sites podem notar um problema muito comum em seus funcionários: a falta de foco que resulta em uma baixa da produtividade. A grande maioria de nós possui redes sociais e nos distraímos facilmente, principalmente se temos livre acesso a elas. Sem falar que muitas pessoas podem acabar mandando mensagem durante o dia e podemos nos distrair respondendo e resolvendo problemas pessoais. A produtividade é uma métrica muito importante dentro da empresa e ela deve ser levada em conta na hora de decidir se haverá o bloqueio de sites. O foco deve ser no desempenho da equipe, por isso se a produtividade está muito baixa, filtrar os sites que os colaboradores podem acessar pode ajudar a resolver. 2 – Consumo de banda larga O consumo de banda larga se torna excessivo quando a internet é totalmente liberada para os funcionários. A internet acaba sendo usada para fins pessoais como acesso a redes sociais, programas e jogos, além de alguns funcionários podem baixar programas para o computador da empresa. Algumas sessões da empresa precisam dos downloads, mas outras necessitam de uma rede mais estável que pode acabar sendo prejudicada se a internet estiver sendo usada para outros fins. O YouTube é um dos sites mais acessados pelos funcionários e um dos que mais consome banda larga, podendo deixar a internet mais lenta. Por isso, leve em conta como está o consumo da banda larga e se a internet anda lenta ou não, para definir se alguns sites serão bloqueados. 3 – Segurança da rede A segurança da rede também é um ponto muito importante e que deve ser considerado na decisão de bloquear sites. O livre acesso aos funcionários deixa a rede da empresa mais vulnerável a vírus e links maliciosos que são encontrados em downloads ou em sites não confiáveis. Nas redes sociais também é possível receber algum link malicioso e quando menos se espera, a rede da empresa pode ser prejudicada ou até mesmo hackeada. Muitas vezes, para evitar isso, algumas empresas permitem que os funcionários levem seus próprios computadores e dispositivos, mas recomendam que o antivírus esteja em dia. 4 – Maturidade Analise se a equipe de funcionários que você possui é madura. Se sim, será muito mais fácil de aceitar a sua decisão de bloquear os sites e não tentar burlar o sistema. A maturidade é algo muito importante para uma equipe e se a equipe se demonstrar comprometida com a produtividade, você não terá muitos problemas. 5 – Custos Os custos também devem ser considerados, afinal todos os demais tópicos refletem neles. As empresas que deixam o acesso liberado aos funcionários devem estar cientes que podem receber ataques ou serem hackeadas a qualquer momento e por isso devem estar preparadas para arcar com os custos de reparação. Além disso, acabam pagando mais com a banda larga. 6 – Satisfação dos funcionários Na hora de bloquear os sites, leve em conta que todos os funcionários precisam de alguns minutos ao longo do dia para descontrair e descansar, para que possam voltar ao trabalho com muito mais foco. Nem sempre o problema é liberar o acesso, mas sim impor limites. Se você preferir, estabeleça um horário no dia a dia em que o acesso ficará totalmente livre, como no horário do almoço, por exemplo. 7 – Particularidades de cada equipe Para definir os sites que cada grupo de funcionários poderá acessar, é preciso levar em conta o setor que atuam. A equipe de Marketing necessariamente precisará ter acesso às redes sociais para fazer as análises e implementar campanhas, por exemplo. Por isso, o ideal é descobrir as necessidades de cada equipe e estipular os sites liberados de acordo com isso. 8 – Analise É necessário analisar os dados da sua empresa diariamente. Analise quais foram os sites mais acessados pelos funcionários, confira se todas as restrições impostas estão sendo respeitadas. Compare os resultados com as análises de produtividade da equipe para ver se está dando resultados ou não. O contato próximo aos colaboradores te fará ter mais empatia e te ajudará a entender melhor como ajuda-los com o foco e a produtividade. https://www.ss3tecnologia.com.br/post/quando-se-deve-bloquear-sites
Afinal, o que é VPN? Descubra como cuidar do seu acesso remoto!
Se você tem uma empresa precisa se preocupar com muitas tarefas, ações e responsabilidades, principalmente se possui um espaço físico para trabalhar com seus demais funcionários. As empresas com espaço físico precisam oferecer aos trabalhadores uma boa infraestrutura para que realizem todas suas tarefas e na grande maioria das vezes, isso engloba uma conexão com a internet que seja boa e segura. Ao oferecer computadores e uma rede de internet aos seus funcionários, você precisa se preocupar e ficar atento à segurança do tráfego de dados e informações, afinal arquivos e o histórico da empresa estão atrelados à isso. E é nessa parte que o VPN entra para que você consiga cuidar do acesso remoto. A seguir, veja mais detalhes e entenda perfeitamente o que é VPN e como ele pode ajudar a sua empresa. VPN: o que é? VPN, em nossa língua, significa Rede Virtual Privada e a sua função principal é garantir o tráfego de dados de uma maneira muito mais segura e ainda permitir o acesso remoto protegido à rede interna de uma empresa. Se trata de uma ferramenta de segurança muito mais do que essencial para as empresas, pois você estará protegendo dados e informações referentes ao seu negócio e evitar que suas informações sejam roubadas ou acessadas por hackers. A VPN ganhou mais buscas nesse período em que a grande maioria das empresas estão com seus funcionários trabalhando em home office. Cada funcionário, na sua casa, ao se conectar à internet, é identificado pelo número de IP e os seus dados podem trafegar abertamente, isso significa que podem ser acessados por qualquer pessoa. Tendo uma rede privada, que é oferecida pela VPN, o usuário, os dados e as informações ficam protegidos e não é identificado tão facilmente. A VPN pode ser usada para interligar mais de uma unidade da empresa e para fornecer a conexão remota aos funcionários, por isso ela se tornou tão popular e procurada nos últimos meses. VPN: como funciona? A VPN funciona de uma maneira muito fácil e prática. Vamos dar alguns exemplos para que você consiga entender melhor. Quando acessamos o navegador do nosso computador, na barra de pesquisa e ao lado do endereço eletrônico, há um pequeno cadeado. Esse cadeado é sinônimo de segurança e ele está presente na grande maioria dos sites, e ele informa que a sua navegação está segura e que o seu tráfego de dados só poderá ser acessado pelo servidor daquela empresa/loja/companhia/site. Quando você usa a VPN, essa segurança é expandida para toda a sua conexão. Isso porque, alguns sites não possuem esse cadeado e essa segurança, deixando seus dados expostos. Quando você usa a VPN, a segurança é garantida em todas as situações. Você fica disfarçado e usa um endereço de IP falso. No caso das empresas, ao usar VPN, você se conecta diretamente ao firewall da sua empresa e assim ninguém consegue identificar o seu verdadeiro IP e fica protegido. A sua conexão também é criptografada para que ninguém tenha acesso aos dados que são carregados e baixados. VPN: por que investir? Você já entendeu o que é uma VPN e como ela funciona, mas ainda não está convencido de porquê usá-la na sua empresa? Bem, nós explicamos o motivo. Acontece que quando a sua empresa permite o acesso externo dos seus funcionários, de suas casas por exemplo, há uma troca de dados e informações entre as redes que fica exposta e há grandes riscos de hackers obterem todo esse tráfego e acabarem roubando as informações. Alguns trabalhadores gostam de ir em diferentes lugares para trabalhar como em livrarias e cafeterias com rede Wi-Fi. Essa é uma rede pública que pode ser acessada por qualquer um facilmente e ter acesso a dados como usuário e senha. Com a VPN, todo o acesso de seus funcionários estará 100% seguro e protegido. VPN: conheça os tipos Existem vários tipos de VPN para você escolher e contratar para a sua empresa. Você poderá conhecer três opções a seguir: - VPN Site a Site: é uma VPN muito usada em operações corporativas principalmente no caso de empresas que possuem unidades no Brasil e no exterior ou até mesmo em diferentes estados, pois ajuda a conectar a rede da matriz com as filiais. As empresas podem usar também esse tipo de VPN para se conectar a outras empresas. Nada mais é do que uma ponte virtual que ajuda a reunir redes de diferentes lugares, mantendo uma conexão mais segura e privada; - VPN PPTP: é o tipo mais comum que pode ser usado tanto por empresas quanto por pessoas comuns. Não exige a compra nem mesmo a instalação de um hardware extra, para acessar basta informar o login e a senha de usuários aprovada. Através da conexão com a internet, você se conecta com a rede VPN e se torna um usuário remoto, que não pode ser encontrado. Entretanto, esse tipo de VPN não oferece criptografia; - VPN L2TP: esse é um modelo que se combina com outra ferramenta de segurança para fornecer mais privacidade ainda. Ele forma um túnel entre dois pontos de conexão L2TP e uma VPN, enquanto acontece também a criptografia dos dados. Contrate VPN da SS3 Tecnologia A SS3 Tecnologia é uma empresa focada em serviços de Tecnologia da Informação para corporações que desejam garantir mais segurança, privacidade, agilidade e praticidade no seu ambiente de trabalho e a todos os seus funcionários. Entre os diversos serviços de gestão de TI que são oferecidos pela SS3, está a opção de você obter uma VPN para sua empresa e para os seus funcionários. Eles fazem toda a instalação de acordo com as necessidades da sua empresa, além de explicarem como funciona e ajudarem na criação das senhas para todos os seus colaboradores. Se torna um sistema muito prático e é um investimento excelente para a empresa, que estará garantindo a sua proteção e evitando problemas com hackers ou com vazamento de informações importantes.